Neymar não se apresentou e o PSG admite tomar medidas

Novela à vista. O brasileiro Neymar não se apresentou esta segunda-feira no Paris Saint-Germain, conforme estava previsto, e o clube francês já informou que irá tomar medidas.

Esta ausência do internacional brasileiro surge numa altura em que está a ser muito divulgada a sua transferências para o Barcelona e, em vários meios de comunicação franceses, chegou mesmo a ser noticiada a possibilidade de o jogador não se apresentar como forma de protestar contra o facto de o PSG estar a dificultar a saída para o Barcelona. O clube francês não perdeu tempo e divulgou um comunicado através das redes sociais do clube, onde informa que o jogador não se apresentou no dia e horas acordadas e que não deu satisfações ao clube, incorrendo por isso num castigo interno.

Há poucos dias, Josep Maria Bartomeu, referiu publicamente que Neymar queria deixar o PSG. Mas não se alongou sobre o interesse do Barcelona. "Sabemos que Neymar quer deixar o PSG, mas também sabemos que o PSG não o quer deixar sair. Por isso, não há caso", disse. Certo é que tanto a imprensa espanhola como a francesa garantem que o interesse dos catalães é sério e pode estar à vista uma guerra entre os dois clubes por causa de Neymar.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG