"Não se brinca com o trabalho do pai. E ele está acabado. Imagina se não estivesse"

Kátia Aveiro enviou recado aos críticos de Cristiano Ronaldo após o hat trick do irmão à Lituânia nesta quinta-feira, em partida da fase de qualificação para o Euro 2020

Uma das irmãs de Cristiano Ronaldo, Kátia Aveiro, enviou um recado aos críticos do internacional português (e quem sabe ao treinador Maurizio Sarri...) após o hat trick do mano à Lituânia nesta quinta-feira, na goleada de Portugal por 6-0, em partida da fase de qualificação para o Euro 2020.

"Não se brinca com o trabalho do pai... E ele tá acabado!!! Imagina se não tivesse!!! Orgulho da mana!! Agora pensem!!!", escreveu a Kátia Aveiro no Instagram.

Esta publicação vem na sequência de duas substituições mal digeridas por Ronaldo na Juventus. Após última, no domingo frente ao AC Milan, o jogador saiu diretamente para o balneário e terá abandonado o estádio ainda antes do apito final, o que lhe valeu críticas de várias figuras ligadas ao futebol. Fabio Capello chegou mesmo a dizer que o madeirense de 34 anos "não dribla um adversário há três anos".

"É sempre ele"

Em Itália, o Tuttosport dedica a capa a Cristiano Ronaldo e ao hat trick à Lituânia. "Siiim! É sempre ele", destaca o diário desportivo de Turim. "Ronaldo varre dúvidas e ansiedades, marcando três gols e abrindo caminho para a goleada de Portugal contra a Lituânia (6-0)", pode ler-se na capa.

CR7 também foi manchete no Corriere dello Sport, que garante que "Ronaldo está bem".

Na Gazzetta dello Sport a manchete vai para Donnaruma, alvo da Juventus no mercado de transferências, mas a exibição de Ronaldo também merece destaque. "CR existe e faz três. Ronaldo vai além do Sarri Show contra os lituanos e faz selfie com o invasor de campo", escreve o desportivo transalpino.

Ronaldo de saída no final da época?

Na edição desta sexta-feira, o jornal italiano La Repubblica avança que o divórcio entre Cristiano Ronaldo e a Juventus pode ser uma realidade no final desta época, apesar de CR7 ter contrato com o emblema italiano até 2022.

Segundo o La Repubblica, os últimos episódios envolvendo Ronaldo e o treinador Maurizio Sarri, que o substituiu nos dois últimos jogos, situação que deixou o avançado chateado, podem contribuir para o capitão da seleção querer deixar Turim já no final desta temporada.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG