Mourinho diz não precisar de muitos reforços para a próxima época

O treinador do Tottenham assume que para contratar jogadores seria preciso assegurar a ida à Champions, algo que está muito complicado.

José Mourinho disse assumiu quarta-feira que o Tottenham não deverá fazer um grande investimento em contratações de jogadores para a próxima época, admitindo que está dependente de conseguir o apuramento para a Champions.

"A qualificação para a Liga dos Campeões fará uma grande diferença económica. É fácil de entender e de aceitar", disse o treinador português, em conferência de imprensa, numa altura em que os spurs estão bastante atrasados na corrida a um lugar de acesso à prova milionária.

Com 31 jornadas disputadas na Premier League, o clube londrino, no qual alinha o médio Gedson Fernandes, ocupa o sétimo posto, com 45 pontos, os mesmo do Burnley, mas está a nove do Chelsea, quarto classificado, o último que dá acesso direto à Champions. Pelo meio, em quinto e sexto, estão Manchester United e Wolverhampton, respetivamente, ambos com 52.

Ainda assim, Mourinho não parece muito preocupado com a impossibilidade de gastar muito dinheiro em reforços e diz que a equipa "não precisa de muitos jogadores". "O bom é que não precisamos de muito. Não precisamos de muitos jogadores, nem precisamos investir muito. É o nosso perfil como equipa, com ou sem covid-19, com ou sem a Liga dos Campeões. É assim que nos organizamos", acrescentou.

Esta quinta-feira, o Tottenham desloca-se ao reduto do Shelffield United, que é nono classificado com 44, em jogo da 32.ª ronda da Premier League.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG