Morreu o guarda-redes que sofreu o 'golo fantasma' na final do Mundial 1966

O alemão Hans Tilkowski morreu esta segunda-feira aos 84 anos. Sempre defendeu que a bola não passou a linha de baliza no golo que ditou a derrota da Alemanha no Mundial de 1966.

O guarda-redes internacional alemão Hans Tilkowski, titular na final do Mundial de 1966 com a Inglaterra, a do 'golo fantasma' em Wembley, morreu esta segunda-feira aos 84 anos.

A informação foi avançada pelo Borussia Dortmund, um dos clubes que Tilkwoski representou, entre 1963 e 1967, indicando que o antigo guarda-redes morreu após longo período de doença e junto da sua família.

Tilkwoski foi titular da seleção da República Federal da Alemanha (RFA), a antiga Alemanha ocidental, e esteve presente na final do Mundial de 1966, que a Inglaterra venceu por 4-2, após prolongamento, com um golo que ainda hoje suscita dúvidas.

Com as equipas empatadas a dois golos, o jogo seguiu para prolongamento, e no 3-2 dos ingleses, o segundo golo dos três marcados por Geoff Hurst, não é claro se a bola ultrapassou a linha de golo, algo que o guarda-redes sempre disse que não.

Em 1995, a Universidade de Oxford defendeu não ter sido golo, com recurso a tecnologia, mas em 2016, também com o apoio de um software utilizado na Liga inglesa, a Sky Sports indicou que a bola entrou, desenhando um arco.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG