Milan está fora da Liga Europa por castigo

Clube italiano foi castigado pela UEFA e viu agora a decisão ser ratificado pelo Tribunal Arbitral do Desporto.

O Milan foi excluído da próxima edição da Liga Europa por não cumprir as regras do Fair Play Financeiro da UEFA nos dois triénios, de 2015 a 2017, e de 2016 a 2018.

A decisão foi anunciada nesta sexta-feira pelo Tribunal Arbitral do Desporto (TAS). Após meses de disputa na Justiça, os milaneses perderam a guerra com a UEFA que justificava a exclusão da prova.

Com a exclusão do Milan, a Roma fica com a vaga direta na fase de grupos, e o Torino entra nos playoffs. A equipa de Paulo Fonseca terminou a Liga italiana no sexto lugar, posição que não lhe dava entrada direta para a Liga Europa, obrigando-a a disputar a segunda fase de qualificação. Com a saída de cena dos rossoneri, a Roma entra diretamente, enquanto o Torino, sétimo classificado da Serie A, ocupa o lugar que era da Roma.

A decisão do TAS deixa o Manchester City de sobreaviso, uma vez que o clube está em situação idêntica e em risco de falhar a Liga dos Campeões. Os cityzens estão precisamente à espera da decisão desse tribunal por alegado incumprimento do fair play financeiro.

Exclusivos

Premium

Livro

Antes delas... ninguém: mulheres que desafiaram o domínio masculino

As Primeiras - Pioneiras Portuguesas num Mundo de Homens é o livro com as biografias de 59 mulheres que se atreveram a entrar nas profissões só de homens. O DN desvenda-lhe aqui oito dessas histórias, da barrista Rosa Ramalho à calceteira Lurdes Baptista ou às 'Seis Marias' enfermeiras-paraqueditas, entre outras