Miguel Oliveira chega à liderança do Mundial pela primeira vez

Piloto de Moto 2 venceu Grande Prémio da República Checa e ocupa primeiro lugar na geral pela primeira vez

O piloto português de Moto2 Miguel Oliveira lidera pela primeira vez a classificação do Mundial da categoria, com 166 pontos. O feito inédito chegou depois de ter vencido o Grande Prémio da República Checa na manhã deste domingo.

O piloto saiu na quarta posição da grelha de partida, mas cortou a meta em primeiro lugar, depois de ter feito a corrida quase sempre nessa posição.

O piloto de Almada já comentou no Twitter esta sua vitória: "Hoje acabou em Português! Batalha dura e superada. Obrigado a todos."

Um comentário a que juntou uma bandeira portuguesa e um emoji.

Este é um dos momentos altos da carreira profissional de Miguel Oliveira que tem consolidado a sua presença nas pistas mundiais ao longo dos anos.

O piloto que nasceu no Pragal (Almada) a 4 de janeiro de 1995 foi o primeiro motociclista nacional a participar num mundial da especialidade.

A apetência para os desportos motorizados surgiu cedo e aos 9 anos participou pela primeira vez no campeonato nacional de MiniGP tendo terminado em quarto lugar.

Em 2005 venceu o campeonato português de MiniGP e o World Festival Metrakit em Espanha. Revalidou o titulo nacional em 2006. Em 2007 subiu de categoria e venceu o campeonato Mediterrâneo Pre-GP125.

Participou em competições em Espanha até que em 2013 se juntou à Mahindra Racing equipa a quem deu o primeiro pódio da formação indiana.

Perante a sua evolução a Red Bull KTM Ajo contratou-o para a época 2015.

Nesse ano conquistou seis vitórias, três segundos lugares e uma pole position, tendo terminado o mundial em segundo lugar.

A subida à categoria de Moto2 aconteceu em 2016, na equipa da Leopard Racing. Neste ano teve vários problemas, incluindo uma fratura da clavícula, que fez com que falhasse quatro grandes prémios.

Em 2017 voltou à equipa KTM Red Bull Ajo e terminou o mundial de Moto2 no terceiro lugar.

Já este ano nas dez corridas já cumpridas, venceu duas, foi segundo em outras duas e terceiro também em duas. Soma 166 pontos, mais dois que o italiano Francesco Bagnaia. No terceiro lugar do mundial está o espanhol Alex marquez com 113 pontos.

A próxima corrida será no dia 12 na Áustria, no circuito Red Bull Ring - Spielberg.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG