Messi ainda é o principal candidato à Bola de Ouro?

Sondagem do jornal francês L'Équipe ainda dá vantagem ao jogador argentino, apesar da eliminação na Champions. Mas há vários fatores que podem condicionar a atribuição do troféu de melhor jogador do mundo de 2019.

Parecia tudo bem encaminhado para Lionel Messi poder ser considerado o virtual vencedor da Bola de Ouro do ano 2019 com grande antecipação. O Barcelona foi campeão espanhol, pode ainda conquistar a Taça do Rei e estava em boa posição para pelo menos marcar presença na final da Champions. O argentino, de 31 anos, com 48 golos apontados esta temporada em 47 jogos pelos blaugrana, era o favorito indiscutível. Mas a eliminação com o Liverpool, da forma como aconteceu, veio baralhar um pouco estas contas.

De acordo com uma sondagem do jornal francês L'Équipe, às 18.00 desta quarta-feira, Messi continua a ser o principal favorito a vencer o troféu que distingue anualmente o melhor jogador do mundo, recolhendo 48% dos votos. Segue-se Virgil Van Dijk, central do Liverpool, com 18%, depois Salah (11%) e Cristiano Ronaldo surge na quarta posição (7%).

Há mais um dado que pode contrariar o favoritismo de Messi. Nos anos ímpares, sem Mundiais e Europeus, e tendo em conta as eleições desde 2007, só por uma vez o vencedor não foi um futebolista que ganhou a prova milionária. A exceção à regra foi Cristiano Ronaldo, em 2013, ano em que Bayern Munique foi o vencedor da prova.

Depois há o caso do Liverpool, que além de poder conquistar a Liga dos Campeões, tem ainda possibilidades de se sagrar campeão inglês já no próximo domingo, apesar de a equipa de Klopp não depender apenas de si - está a um ponto do Manchester City. Mas mesmo que os reds apenas consigam um destes objetivos, a Liga dos Campeões, há pelo menos dois candidatos à Bola de Ouro: Salah, que é atualmente o melhor marcador da Liga inglesa, e Virgil Van Dijk, que apesar ser um defesa central, tem sido decisivo no sucesso do Liverpool. Nos nomes da sondagem do L'Équipe surgem ainda De Jong (Ajax) e Harry Kane (Tottenham). Mas só um deles estará presente na final da Champions diante do Liverpool (decidem esta noite, às 20.00, quem será o finalista).

Para já, são apenas cenários e muita coisa pode ainda acontecer, até porque este verão há Liga das Nações, Copa América e Taça das Nações Africanas, tudo competições de seleções. E as votações só fecham mais perto do final do ano, sendo o nome do vencedor conhecido no início de dezembro.

Assim está a votação na sondagem do LÉquipe:

Messi - 48%
Virgil Van Dijk - 18%
Salah - 11%
Ronaldo - 7%
De Jong - 6%
Harry Kane - 1%
Outros - 9%

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG