Marcel Keizer: "Já percebi que tenho um grande desafio pela frente"

O holandês diz ter ficado com "boas impressões" da equipa do Sporting. O presidente Frederico Varandas definiu o novo treinador como "ambicioso, apaixonado pelo que faz, sem medo de apostar em jovens, com futebol atrativo e dominador"

Marcel Keizer foi esta segunda-feira apresentado como treinador do Sporting. Nas suas primeiras declarações no cargo disse ter ficado com "boas impressões do clube", sobretudo do jogo com o Desp. Chaves: "Vi uma equipa com muito bom espírito e grande energia."

O treinador holandês reforçou a ideia de que os leões estiveram "muito bem" na vitória frente aos flavienses, assumiu que há espaço para "melhorar".

Questionado sobre o facto de o Sporting não ganhar o título há muitos anos, Marcel Keizer deixou uma certeza: "Quando vi a cidade de Lisboa e o Sporting, percebi que é um grande desafio que tenho pela frente."

O técnico assumiu que as suas equipas "jogam com energia e espírito", admitiu que viu "alguns jogos da equipa na semana passada". "Gosto da equipa e dos jogadores, que mostram muita paixão", disse, revelando ter "uma filosofia de ataque e com uma defesa muito pressionante".

Keizer revelou ter ficado "honrado" pelo interesse do Sporting, definindo desde logo objetivos: "Para já vamos ver se conseguimos fazer esta boa equipa numa equipa ainda mais forte."

Antes das primeiras palavras do novo treinador, o presidente Frederico Varandas fez uma curta declaração sobre a opção tomada.

"O que tem guiado esta direção é defender os superiores interesses do Sporting. Decidimos em função do que é melhor para o clube e não em função do que é popular ou em função do que nos proteja como direção. A escolha deste treinador assenta destes princípios. Não escolhemos em função da nacionalidade, nem em função de um nome que podia dar-nos cobertura política", sublinhou.

Nesse sentido, explicou os parâmetros que tiveram na base da escolha: "Os princípios que um treinador do Sporting tem de ter são competência técnica, liderança, gestão grupo e comunicação. Como tal, entendemos que Marcel Keizer tem o melhor perfil para agarrar este projeto. É jovem, ambicioso, apaixonado pelo que faz, não tem medo de apostar em jovens e tem um futebol atrativo e dominador."

No que diz respeito à futura equipa técnica, Varandas assumiu que ainda "está a ser pensada e nos próximos dias ficará fechada". "Estamos a arrumar a casa desde o dia 8 de setembro, mas ainda falta muito. Já começamos na Academia, no departamento médico, scouting, agora na equipa técnica, pensamos que em janeiro teremos a casa arrumada", acrescentou, deixando ainda "um especial agradecimento a José Peseiro e Tiago Fernandes pelo que fizeram pelo clube",

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG