Maradona estreia-se com triunfo na II divisão mexicana

O argentino começou da melhor maneira como treinador do Dorados de Sinaloa, que bateram os Cafetaleros de Tapachula por 4-1, em encontro da oitava jornada do segundo escalão do futebol mexicano

O argentino Diego Armando Maradona estreou-se na segunda-feira a vencer como treinador do Dorados de Sinaloa, que bateram os Cafetaleros de Tapachula por 4-1, em encontro da oitava jornada da segunda divisão mexicana de futebol.

"Sabia que iam ganhar quando os vi treinar, pois estes rapazes têm fome de glória. Mas, ainda não se ganhou nada, foi só um jogo, faltam muitas finais. Queremos concretizar um sonho lindo, que começou com os Cafetaleros", disse o 'astro' argentino.

Os Dorados, que somaram o primeiro triunfo na prova, ao sétimo encontro, tiveram no equatoriano Vinicio Angulo a sua grande figura, com um hattrick.

Depois de uma primeira parte sem golos, Angulo faturou aos 60, 62 e 76 minuto. Alonso Escoboza apontou o outro tento do conjunto comandado por Maradona, aos 87, enquanto o argentino Sebastian Ibar marcou para os forasteiros, aos 64.

"Quem jogou futebol foram os Dorados, enquanto eles limitaram-se a atirar bolas para a frente e, com exceção de um remate ao ferro, não tiveram oportunidades", disse aquele que é considerado um dos melhores futebolistas da história.

Maradona, que em 1986 levou a Argentina ao colo até ao título Mundial, elogiou os seus jogadores: "Fala-se do 4-1, mas não do sacrifício dos meus jogadores, aos quais lhes exigimos o máximo nos treinos. Aqui, todos dão 1000%."

"Eles são um exemplo, pois os que passam dos 30 anos trabalham tanto com os de 20. O triunfo é mérito do trabalho", disse o técnico argentino, que também teve elogios para os adeptos, dizendo que se sentiu como no estádio do Boca Juniors.

Os Dorados, que ascenderam ao 10.º lugar do campeonato, com seis pontos em sete jogos, voltam a jogar no sábado, no reduto dos Alebrijes de Oaxaca, nonos, com nove pontos em oito encontros.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG