Luís Filipe Vieira aponta João Félix à Bola de Ouro

Presidente do Benfica falou à Rádio Renascença e admitiu que este foi o título que "mais gozo" deu conquistar.

Luís Filipe Vieira sem papas na língua aponta João Félix da formação do Benfica à Bola de Ouro. "Por que não? No caso do João Félix poderá suceder. Tem 19 anos e é um jovem muito bem estruturado", disse o presidente do Benfica em entrevista à Rádio Renascença, confessando assim o sonho de ver um melhor do Mundo made in Seixal.

Com clásusula de rescisão de 120 milhões de euros, o jovem avançado já é cobiçado por meia Europa. "Com 19 anos, com o assédio que tem tido, as notícias que têm aparecido, ele mantém-se impávido. É ele na mesma, a mesma maneira de vestir, de conviver, a humildade dele. Não se deslumbrou. Ele tem um futuro longo pela frente e não tenho dúvidas nenhumas de que ele vai ser de topo mundial, vai ser uma referência no futebol mundial", defendeu Vieira.

Para o líder encarnado a aposta em jogadores de formação na equipa principal deu um sabor diferente ao título nacional: "Mas posso já lhe adiantar que o Benfica não vai comprar laterais. Não vale a pena as pessoas estar a dizer que não temos laterais. Os futuros laterais do Benfica estão dentro do clube. No meio-campo acho que o Benfica não tem necessidade comprar jogadores também. Mas não tem pontas-de-lança e é importante dar aos nossos treinadores aquilo que eles precisam."

Vieira acredita que "a grande maioria dos jovens que estão no Seixal têm competência para estar na primeira equipa do Benfica" e que "nunca passou pela cabeça formar para vender". Depois reconheceu que alguns saíaram prematuramente: "Tínhamos um plantel muito vasto naquela altura e se calhar a estratégia foi, e acho que foi bem pensada, dar a conhecer o que produzimos no Seixal. Desde Bernardo Silva, João Cancelo, Hélder Costa e Ivan Cavaleiro, foi uma boa oportunidade de mostrarmos ao mundo do futebol o que era a formação do Benfica. Eles abriram essas portas a outros que se seguiram."

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG