Liverpool leva homens e mulheres para a digressão nos Estados Unidos

Clube inglês vai realizar estágio nos EUA e decidiu levar a equipa de futebol feminino, que vai poder assistir no dia 24 ao jogo entre os reds e o Sporting, em Nova Iorque, e disputar pelo menos duas partidas particulares.

Em plena disputa do Mundial feminino de futebol, e numa altura em que a modalidade está a crescer como nunca, o Liverpool decidiu dar mais um exemplo e vai levar a equipa de mulheres para a digressão que vai realizar nos Estados Unidos a partir de 16 de julho.

As jogadoras do Liverpool, que estão a preparar a Superliga da temporada 2019/20, vão assim realizar o mesmo percurso da equipa masculina treinada pelo alemão Jürgen Klopp, que conquistou a Liga dos Campeões na época passada. E já têm agendados alguns jogos particulares - contra o Cleveland Ambassadors, na Universidade de Notre Dame, e depois contra os New York Athletic, na Universidade de Boston.

"Este é o meu quarto ano na digressão de pré-temporada do Liverpool com a equipa masculina. No entanto, este ano é mais especial, pois é a primeira vez que a equipa feminina é incluída. E agora vamos viajar como uma grande família de futebol", assinalou o treinador Jürgen Klopp, em declarações ao site oficial do clube inglês.

A equipa feminina dos reds, que é treinada por Vicky Jepson, tem ainda agendadas várias ações comunitárias e vai assistir ao jogo particular entre o Liverpool e o Sporting, marcado para o dia 24 de julho, no Yankee Stadium, em Nova Iorque.

"Estou muito feliz por regressar aos Estados Unidos neste verão não com uma, mas duas equipas. Conseguir que as mulheres do Liverpool pudessem embarcar nesta sua primeira digressão pela América é mais um sinal do nosso compromisso com as duas equipas", destacou Peter Moore, diretor executivo do clube inglês que também é presidente do Liverpool Women.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG