Para Rúben Neves, Portugal está proibido de errar e que é "perfeito" jogar em casa

Portugal, campeão europeu em título, defronta a Suíça nas meias-finais da Liga das Nações, em 5 de junho, no Estádio do Dragão, no Porto, em jogo com início às 19.45 (RTP1).

O médio Rúben Neves afirmou hoje que é "perfeito" para Portugal jogar a fase final da Liga das Nações de futebol em casa e assumiu que a seleção lusa está impedida de errar, se quiser conquistar o troféu.

"É uma competição diferente do que estamos habituados. Temos todas as condições para nos podermos preparar muito bem e sabemos que não há margem de erro. É uma competição para ganhar", afirmou Rúben Neves em conferência de imprensa, minutos antes do segundo treino de Portugal na Cidade do Futebol, em Oeiras.

O médio do Wolverhampton, que tem 10 jogos pela seleção nacional, confessou que espera "brevemente" marcar o seu primeiro golo com a camisola das 'quinas' e considerou que Portugal pode beneficiar de jogar a Liga das Nações em casa.

"Jogar em Portugal é perfeito. Temos um excelente público e esperamos que o estádio esteja cheio para nos ajudarem a chegar ao grande objetivo", disse o jogador de 22 anos.

Apesar de ter tido uma época desgastante em Inglaterra, Rúben Neves negou qualquer tipo de desgaste e admitiu que é positivo para os jogadores que a primeira semana de trabalho seja em regime aberto, com os jogadores a terem apenas que se apresentar nos treinos.

"Isso é muito bom para nós. Estamos na fase final da época e é muito importante aproveitar o máximo de tempo com a família. Foi uma excelente escolha do selecionador e da equipa técnica. É uma grande ajuda para os jogadores. Todos temos a responsabilidade que estamos ao encargo da seleção, mesmo podendo ir a casa", referiu o jogador formado no FC Porto.

Portugal, campeão europeu em título, defronta a Suíça nas meias-finais da Liga das Nações, em 5 de junho, no Estádio do Dragão, no Porto, em jogo com início às 19.45. Um dia depois, Inglaterra e Holanda disputam a outra meia-final, no Estádio D. Afonso Henriques, em Guimarães, também às 19:45.

Os vencedores disputam a final da primeira edição da Liga das Nações, em 9 de junho, no Estádio do Dragão, em encontro com início às 19.45, enquanto os vencidos decidem no mesmo dia a atribuição dos terceiro e quarto lugares, no Estádio D. Afonso Henriques, às 15.00.

Mário Rui, Nélson Semedo e Gonçalo Guedes já chegaram

Mário Rui, Nélson Semedo e Gonçalo Guedes juntaram-se hoje à seleção portuguesa de futebol, no segundo dia de preparação com vista à participação na fase final da Liga das Nações. Com a chegada do trio português, passam a ser 18 os internacionais à disposição do selecionador Fernando Santos, que ainda espera pelas chegadas de Beto, Pepe, Danilo, Bruno Fernandes e do capitão Cristiano Ronaldo, todas previstas para quarta-feira.

Na segunda sessão de treinos, na Cidade do Futebol, em Oeiras, todos os disponíveis subiram ao relvado, sendo que os guarda-redes Rui Patrício e José Sá fizeram trabalho específico à margem dos companheiros.

De resto, nos primeiros 15 minutos abertos à comunicação social a realizar os habituais exercícios de aquecimento com e sem bola, estiveram às ordens do selecionador Bernardo Silva, Pizzi, João Félix, Rúben Dias, Rafa, João Cancelo, William Carvalho, José Fonte, Diogo Jota, João Moutinho, Dyego Sousa, Rúben Neves, Raphael Guerreiro e os recém-chegados Mário Rui, Nélson Semedo e Gonçalo Guedes.

A primeira semana de trabalho será feita em regime aberto, com os jogadores a estarem apenas obrigados a comparecer nos treinos, com a concentração para estágio a estar agendada para domingo.

Exclusivos