Juventus com Ronaldo perde e é eliminada da Taça de Itália

Equipa de Turim sofreu uma pesada derrota frente à Atalanta e acbou eliminada da Taça cinco anos depois...

A Atalanta conseguiu o impensável: eliminar a Juventus da Taça de Itália. É preciso recuar até janeiro de 2014 para se ver uma eliminação da Juve, que ganhou as últimas quatro edições da prova. Esta quarta-feira, em Bérgamo a equipa de Ronaldo não sofreu apenas uma derrota, sofreu uma pesada derrota por 3-0.

Segundo a imprensa italiana, a Atalanta "vulgarizou a vecchia signora". A equipa de Bérgamo marcou duas vezes em menos de três minutos: primeiro foi Castagne, a aproveitar um erro de João Cancelo para fazer o 1-0 (37′); depois foi Zapata a aumentar para 2-0 (39′). Allegri nem queria acreditar e de tão fora de si acabou expulso.

A Juve ameaçou reduzir de livre direto, mas os tiros de Ronaldo e Dybala acabaram na barreira.

No segundo tempo, os bianconeri entraram com tudo e tiveram boas oportunidades por Bernardeschi e Betancur, mas foi a Atalanta a fazer o 3-0 final, outra vez por Zapata aos 86′.

E assim, cinco anos depois, a Juventus, detentora do troféu, voltou a ser eliminada da Taça de Itália. A última vez que tal aconteceu foi em 2014, diante da Roma, equipa que esta noite levou sete da Fiorentina.

Nas meias-finais está também o AC Milan, que, na terça-feira, venceu o Nápoles por 2-0, com dois golos do reforço de inverno Krzysztof Piatek, que se estreou a marcar ao segundo jogo com a camisola dos rossoneri.

A última vaga nas meias-finais da Taça de Itália será disputada entre Inter de Milão e Lazio, que jogam na quinta-feira, em Milão.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG