Jorge Mendes faz donativo de material médico ao Hospital de São João

O empresário ofereceu mil câmaras expansoras, 200 mil batas de proteção individual e ainda e já encomendou três ventiladores.

O empresário Jorge Mendes ofereceu mil câmaras expansoras e 200 mil batas de proteção individual ao Hospital de São João, no Porto. A revelação foi feira por Manuela Brandão, funcionária da Gestifute, numa publicação na sua conta de Facebook.

Este donativo do agente de Cristiano Ronaldo e José Mourinho, entre outros, surge numa altura em que a pandemia de coronavírus em Portugal se encontra numa fase ascendente e já causou 12 mortos, razão pela qual os hospitais precisam de mais recursos no combate à pandemia. Nesse sentido, Manuela Brandão revela ainda que Jorge Mendes e a Gestifute já encomendaram três ventiladores, que serão entregues a hospitais do norte do país, na primeira semana de abril.

"A exemplo do que aconteceu nas doações periódicas ao IPO do Porto ou noutros momentos difíceis que o país atravessou (como foram os devastadores incêndios em Pedrógão e Santa Comba Dão), bem como em múltiplas situações em que se evitou propositadamente a divulgação pública, Jorge Mendes tomou a iniciativa e apoiou quem mais necessitava. Fê-lo sempre de forma desinteressada e apenas respondendo à sua consciência cívica", explica Manuela Brandão, acrescentando que Jorge Mendes "tem passado boa parte dos últimos dias a estabelecer inúmeros contactos e a desenvolver múltiplos esforços para garantir a aquisição e a chegada ao nosso país de mais material hospitalar.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG