Jonas vai lançar um livro no final deste mês

O agora ex-futebolista fez a revelação esta sexta-feira no Programa da Cristina, na SIC, onde voltou a falar da retirada

O agora ex-avançado benfiquista Jonas revelou esta sexta-feira no Programa da Cristina, na SIC, e revelou que no final deste mês vai lançar um livro no qual serão reveladas algumas histórias de bastidores.

Em conversa com Cristina Ferreira, o brasileiro falou da decisão de pendurar as chuteiras e dos projetos para o futuro, que passam por um maior apoio à família, que o acompanhou no programa, e do desejo de "fazer alguns cursos administrativos".

Jonas deixou agradecimentos aos três treinadores com os quais trabalhou no Benfica, Jorge Jesus, Rui Vitória e Bruno Lage, e elogiou a "humildade e capacidade de trabalho" do presidente Luís Filipe Vieira.

Jonas, de 35 anos, chegou ao Benfica como jogador livre, em setembro de 2014, já depois do fecho do mercado de transferências, após se ter desvinculado dos espanhóis do Valência, que o tinham contratado ao Grêmio, em 2010. Antes, tinha também representado Guarani, Santos e Portuguesa.

Ao serviço do emblema da Luz, o brasileiro participou em 183 jogos e marcou 137 golos, tornando-se mesmo no segundo melhor marcador estrangeiro das águias, apenas atrás do paraguaio Óscar Cardozo (172).

Desde 2014, Jonas ajudou o Benfica a conquistar quatro títulos de campeão nacional (2014/15, 2015/16, 2016/17 e 2018/19), duas supertaças (2016 e 2017), duas taças da Liga (2014/15 e 2015/16) e uma Taça de Portugal (2016/17). De águia ao peito, foi também o melhor marcador da I Liga em duas ocasiões (2015/16 e 2017/18) e eleito o melhor jogador da competição noutras duas (2014/15 e 2015/16).

Pela seleção brasileira, somou 12 internacionalizações e três golos, tendo participado na Copa América de 2016.