Jonas despede-se esta quarta-feira mas garante um ano de salários

Avançado vai aproveitar jogo particular com o Anderlecht para anunciar o adeus aos relvados aos 35 anos. Vieira aceitou pagar-lhe o ano de contrato que lhe resta.

Jonas deverá despedir-se esta quarta-feira dos adeptos do Benfica no jogo de apresentação da equipa aos sócios, no Estádio da Luz, diante do Anderlecht. O avançado de 35 anos decidiu colocar um ponto final na carreira e, apesar de ter mais um ano de contrato, chegou a um acordo com Luís Filipe Vieira.

De acordo com a edição desta terça-feira do jornal A Bola, após uma reunião mantida ontem com o presidente do Benfica, ficou acordado que Jonas irá receber por inteiro os salários do ano de contrato, num total de três milhões de euros livre de impostos. Ainda segundo A Bola, este acordo é um pouco à imagem do que aconteceu recentemente com Luisão e Júlio César.

Apesar de o encontro com o Anderlecht marcar a despedida do avançado brasileiro, não é certo que Jonas vá jogar, mas o adeus aos relvados deverá ser oficializado com uma mensagem aos sócios e adeptos do Benfica.

Jonas chegou ao Benfica a custo zero em 2014, oriundo do Valência. O avançado rapidamente se tornou um ídolo dos adeptos, tendo apontado um total de 137 golos em 183 jogos. Nas duas últimas temporadas, contudo, esteve várias vezes afastado dos relvados devido a lesões, sobretudo motivadas por um problema nas costas. Este, aliás, foi o motivo que levou o brasileiro a querer encerrar a carreira.

Ao serviço do Benfica, Jonas conquistou quatro campeonatos, duas Taças da Liga, uma Taça de Portugal e duas Supertaças. Além disso foi ainda em duas ocasiões o melhor marcador da liga portuguesa - 2015-2016 (32 golos) e 2017-2018 (34).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG