Jogador da NBA revela como a saúde da mãe se deteriorou por causa do coronavírus

Karl-Anthony Towns fez um vídeo onde alerta para os perigos do covid-19 e conta todos os passos que levaram a que a sua mãe ficasse em coma induzido.

O basquetebolista norte-americano Karl-Anthony Towns publicou um vídeo no YouTube onde alerta para as consequências de as pessoas não tomarem as devidas precauções para se protegerem do coronavírus. O jogador dos Minnesota Timberwolves falou da experiência pessoal de ver a saúde da mãe deteriorar-se depois de ter sido infetada.

"Acho que ainda ninguém percebeu este problema e a forma como as condições de vão deteriorando", alerta, ao mesmo tempo que fala sobre o estado clínico da sua mãe. "Ela não estava a ficar melhor, pois a febre não baixava. Diminuía um pouco com os medicamentos que tomava e, durante a noite, voltava a disparar. Sentia-se muito mal, os pulmões estavam a ficar piores, a tosse também...", adiantou.

"A minha mãe estava a deteriorar-se à frente dos nossos olhos e pensávamos sempre que o próximo medicamento ia ajudar, mas as coisas descarrilaram rapidamente. Esteve em coma induzido nos últimos dias e não falo com ela desde então, tem sido muito difícil. A minha mãe é a mulher mais forte que conheço e sei que ela vai vencer isto", sublinhou Karl-Anthony Towns, visivelmente abatido.

O jogador doou entretanto 100 mil dólares (cerca de 92 500 euros) a uma clínica para ajudar na investigação para desenvolver um medicamento para o coronavírus.

A terminar a sua mensagem de vídeo, Karl-Anthony Towns deixou ainda um aviso a todos: "Esta doença é real e não podemos olhar para ela de ânimo leve. Por favor, protejam as vossas famílias, os vossos entes queridos, amigos e a vocês mesmos."

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG