Modric conquista Bola de Ouro do Mundial e Mbappé foi o melhor jovem

O médio croata conquistou este domingo a Bola de Ouro, o prémio de melhor jogador do Mundial 2018, que decorreu na Rússia, apesar da derrota da Croácia na final perante a França (4-2).

O jogador de 32 anos, que alinha no Real Madrid, foi titular em todos os sete jogos disputados pela seleção croata, tendo marcado dois golos, e foi determinante na caminhada da equipa de Zlatko Dalic até à final, naquela que foi a melhor participação de sempre da Croácia. O belga Eden Hazard e o francês Antoine Griezmann completaram o pódio da Bola de Ouro do Campeonato do Mundo.

Kylian Mbappé, de 19 anos, foi eleito o melhor jogador jovem do torneio, depois de ter marcado quatro golos pela França, incluindo um na final, e Thibaut Courtois, que ajudou a Bélgica a alcançar o terceiro lugar, foi nomeado o melhor guarda-redes da prova.

O avançado Harry Kane, com seis golos, foi o melhor marcador deste Campeonato do Mundo, tornando-se no segundo jogador inglês a alcançar esse feito, depois de Gary Lineker, em 1986, no Mundial do México.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Rosália Amorim

Crédito: teremos aprendido a lição?

Crédito para a habitação, crédito para o carro, crédito para as obras, crédito para as férias, crédito para tudo... Foi assim a vida de muitos portugueses antes da crise, a contrair crédito sobre crédito. Particulares e também os bancos (que facilitaram demais) ficaram com culpas no cartório. A pergunta que vale a pena fazer hoje é se, depois da crise e da intervenção da troika, a realidade terá mudado assim tanto? Parece que não. Hoje não é só o Estado que está sobre-endividado, mas são também os privados, quer as empresas quer os particulares.