João Félix ganha penálti e sai lesionado na estreia na liga espanhola

O Atlético de Madrid, com o internacional português a titular, venceu este domingo por 1-0 o Getafe, graças a um golo de Álvaro Morata, no encontro que encerrou a jornada inaugural da Liga espanhola.

Foi uma estreia agridoce a de João Félix na liga espanhola, pelo Atlético de Madrid. O jovem internacional português arrancou um penálti numa jogada genial em que deixou vários adversários pelo caminho, mas acabaria por sair lesionado, aos 66 minutos, num jogo em que foi algumas vezes massacrado pelos adversários.

No primeiro jogo oficial do jovem avançado luso pelos colchoneros, acabou por ser o ponta de lança espanhol Morata a resolver a partida, com um golo aos 23 minutos, correspondendo da melhor forma a um cruzamento de Kieran Trippier.

Sem o lateral português Antunes, lesionado, o Getafe viu Jorge Molina ser expulso aos 38 minutos, mas a desvantagem numérica dos visitantes durou pouco, já que Renan Lodi foi admoestado com dois amarelos no espaço de um minuto e deixou o Atlético com 10 jogadores, em cima do intervalo.

No segundo tempo, Morata teve a possibilidade de bisar, aos 56 minutos, mas falhou uma grande penalidade, que tinha nascido de um lance genial de João Félix, que foi deixando adversários pelo caminho, até ser derrubado dentro da área do Getafe.

Paulo Futre, que tinha desafiado o compatriota a superar um grande golo que ele próprio marcou pelo Atlético no arranque da temporada 1989-90, ficou encantado com a jogada. "Vitória importantíssima para começar a temporada e acho que essa jogada tremenda supera o desafio, não? Espero que a lesão não seja nada, rapaz. Muita força e Aupa Atleti", escreveu nas redes sociais.

O ex-benfiquista acabaria por sair 10 minutos depois, devido a lesão, sendo rendido pelo médio Marcos Llorente.

O jovem internacional português, de 19 anos, que em julho se tornou na contratação mais cara de sempre dos colchoneros, que pagaram 126 milhões de euros ao Benfica pelo seu passe, brilhou durante a pré-época, ao marcar a Real Madrid, Juventus e à equipa de estrelas da liga norte-americana, além de ter assinado várias assistências.

Pelo que custou e pelo que já mostrou no período preparatório, a estreia de João Félix era aguardada com grande expectativa em Espanha. Na época passada, a primeira e única pela equipa principal do Benfica, apontou 20 golos em 43 encontros oficiais.

O Atlético Madrid entrou este domingo em campo já a saber da derrota de sexta-feira do Barcelona com o Athletic em Bilbau (0-1) e do triunfo deste sábado do vizinho Real Madrid sobre o Celta em Vigo (3-1).

Lopetegui e Carriço entram com o pé direito

O Sevilha, com Daniel Carriço entre as opções iniciais de Julen Lopetegui, mas ainda sem Rony Lopes, foi à Catalunha vencer o Espanhol, por 2-0, com tentos de Sergio Reguilón, aos 44 minutos, e do ex-benfiquista Nolito, aos 86, este último depois de ultrapassar o central Naldo, que passou pelo Sporting.

Com o internacional português William Carvalho de início, o Betis foi derrotado por 2-1 na receção ao Valladolid, num encontro em que ficou reduzido a 10 elementos logo aos oito minutos, na sequência da expulsão do guarda-redes Joel Robles. Sergio Guardiola adiantou os visitantes, aos 63 minutos, mas Loren empatou para os béticos logo de seguida, aos 68, antes de Óscar Plano anotar o golo do triunfo do Valladolid, em cima do apito final, aos 89.

Em Vitória, o Alavés recebeu e venceu por 1-0 o Levante, que contou com central português Rúben Vezo de início, graças ao golo de Joselu, aos 54 minutos.