João Félix bisa na vitória sobre a Juventus de Ronaldo. Veja os golos

O avançado de 19 anos fez mais uma exibição de sonho. Depois de dois golos ao Real Madrid, dois golos à Juventus na International Champions Cup.

Mais uma grande exibição, mais dois golos frente a um gigante do futebol europeu. Depois de há 15 dias ter brilhado contra o Real Madrid, no torneio Internacional Champions Cup, com dois golos e duas assistências, o míudo ex-Benfica, que protagonizou a transferência mais cara deste verão, voltou a estar em plano de destaque neste sábado, ao apontar dois golos na vitória por 2-1 sobre a Juventus de Cristiano Ronaldo.

Em mais um jogo particular deste torneio que foi ganho pelo Benfica, desta vez disputado em Estocolmo, na Suécia, João Félix começou a destacar-se aos 24 minutos, com um grande golo, num remate de primeira, após assistência de Trippier.

A Juventus empatou o jogo por Khedira, aos 29', mas João Félix voltou a mostrar todo o seu valor, surgindo oportuno entre os dois centrais da Juventus (De Sciglio e De Ligt), aos 33', a fazer o segundo golo do Atlético. Como escreveu o jornal Marca na edição online, "dois golaços de 'killer' que deixaram de boca aberta e com vergonha a pairar no ar uma das defesas mais sólidas do continente, como já fizera com o Real Madrid no histórico 7-3 do dérbi de Nova Iorque".

Na segunda parte, o treinador Diego Simeone fez várias alterações na equipa e João Félix saiu aos 56 minutos com a missão cumprida. Mais dois golos e mais alguns lances vistosos, a provar que está completamente ambientado e pronto para a estreia a sério e ser titular desta equipa, que pelas indicações deixadas nesta pré-temporada, promete lutar taco-a-taco com o Barcelona e o Real Madrid pelo título espanhol.

Ronaldo esteve 71 minutos em campo (deu o lugar a Mario Mandzukic), mas ficou em branco, apesar de algumas tentativas sobretudo no primeiro tempo.

"O João tem muitas qualidades. Está a adaptar-se muito rápido ao que a equipa precisa e a sua visão permite-lhe jogar em muitas posições, mas o melhor que tem é o que eu disse no primeiro dia: a vontade de aprender. O talento é inato, mas a vontade de aprender é o caminho mais curto para um jogador render. Os jogadores não têm idade. João Félix jogará sempre que tiver de jogar", elogiou no final o treinador Diego Simeone.

A liga espanhola arranca dentro de uma semana e o primeiro jogo do Atlético de Madrid será no dia 18, na receção ao Getafe. A liga italiana só vai começar a daqui a 15 dias e a Juventus estreia-se fora com o Parma, de Bruno Alves.