Benfica processa Google

Além da Google, outras grandes empresas da internet foram alvo de processos dos encarnados por serem proprietárias de plataformas que difundem e-mails e informação confidencial do Benfica.

O Benfica avançou em abril com um processo contra a Google (e outros gigantes da internet), noticiou esta quarta-feira a edição online da revista Sábado, uma informação entretanto confirmada ao DN por uma fonte oficial do clube. O processo deu entrada num tribunal da Califórnia e está relacionado com o facto de várias informações confidenciais, entre as quais os famosos e-mails que têm sido tornados públicos, terem sido alojados em páginas como o "blogspot", "wordpress" e "rgho" depois de um ataque de um hacker. O Benfica, juntamente com os seus advogados, entende que algumas empresas, a Google incluída, acabam por ser coautoras do crime que é punido pela lei americana.

De acordo com a Sábado, a Google foi processada por ser proprietária do "blogspot.pt", tendo ainda o clube apresentado queixa da Cloudflare, dona do "rgho.st" e da Automatic Inc, proprietária do "wordpress", o servidor de blogues onde nos últimos meses se alojou a página "mercadodebenficapolvo", responsável pela divulgação de emails e contratos dos jogadores do Benfica.

Fonte oficial do Benfica confirmou ainda ao DN que o clube da Luz vai apresentar queixa contra a Liga e a Federação Portuguesa de Futebol pela fuga dos contratos dos jogadores Ferreyra e Castillo, que esta semana foram publicados num blogue que tem revelado documentos confidenciais do Benfica.

Ler mais

Exclusivos