Insultos racistas a Marega estão no relatório do árbitro

Ao que o DN apurou o árbitro Luís Godinho descreveu os incidentes no seu relatório que será analisado esta terça-feira pelo Conselho de Disciplina.

O árbitro Luís Godinho, que dirigiu o V. Guimarães-FC Porto, deste domingo, escreveu no seu relatório os insultos racistas de que foi alvo o avançado portista Moussa Marega por parte dos adeptos no Estádio D. Afonso Henriques, apurou o DN.

O relatório do juiz de Évora já deu entrada nos serviços da Federação Portuguesa de Futebol, pelo que deverá ser analisado esta terça-feira pelo Conselho de Disciplina que, nesse contexto, deverá abrir um processo disciplinar a estes incidentes.

Recorde-se que Marega pediu para ser substituído ao minuto 71 do jogo da 21.ª jornada da I Liga, entre o FC Porto e o Vitória de Guimarães, depois de ter sido alvo de cânticos racistas por parte de adeptos da equipa minhota.

Vários jogadores portistas e vimaranenses tentaram demovê-lo, mas Marega mostrou-se irredutível na decisão de abandonar o jogo, numa altura em que os dragões venciam por 2-1, resultado com que terminou o encontro.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG