Fognini despacha Nadal e vai à final de Monte Carlo antes de vir ao Estoril Open

Italiano impediu espanhol de bater recorde de finais ao vencer por 6-4 e 6-2 e avança agora para uma final inédita frente ao sérvio Dusan Lajovic, que venceu Daniil Medvedev na outra meia final.

Fognini tinha avisado que já tinha vencido Nadal em terra batida antes (por duas vezes) e voltou a fazê-lo este sábado. E não foi um triunfo qualquer. O italiano, que na próxima semana será uma das atrações do Estoril Open, despachou o número 2 do ranking ATP em dois sets (6-4 e 6-2), uma hora e 36 minutos, no ATP Masters 1000 de Monte Carlo, no Mónaco, prova que Nadal já venceu por... 11 ocasiões.

Nadal ainda chegou a uma vantagem de 3-1, mas o italiano reagiu e venceu cinco dos seis jogos seguintes, conquistando a primeira partida, por 6-4, colocando asism um ponto final numa série de 25 sets consecutivos de Nadal em Monte Carlo.

Fognini manteve-se forte no segundo parcial e chegou a estar a vencer por 5-0, mas acabou por ceder alguns sets até fechar o parcial em 6-2, apesar do número dois mundial ainda ter salvo três match points.

O italiano avança agora para uma final inédita frente ao sérvio Dusan Lajovic, que venceu Daniil Medvedev na outra meia final.

Fognini surgiu bem disposto na conferência de imprensa pós-jogo, mas sem perder o descernimento: "Se tivesse cabeça era top 10 durante 10 anos. Sabia que tinha jogo para lhe vencer, já tinha conseguido algumas vezes. Lembro-me de um US Open louco e outros dois em terra batida."

Já Nadal confessou que foi o seu "pior jogo em 14 anos em terra batida".

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG