Drones vigiam festa do Benfica

PSP tem preparado o dispositivo de segurança para o caso de o Benfica se sagrar campeão nacional: vigilância aérea, revistas junto ao Marquês de Pombal e os elementos do Corpo de Operações Especiais de prevenção.

A PSP vai utilizar drones para vigiar os festejos do Benfica na praça do Marquês de Pombal, local para onde vão convergir os adeptos do clube - e os jogadores - caso a equipa profissional de futebol conquiste este sábado o título de campeão nacional.

Além do recurso a este tipo de vigilância - que permite seguir a movimentação dos apoiantes do clube na zona da festa -, o DN sabe que a polícia vai controlar os acessos à zona do Marquês e criar zonas de revista a quem quiser chegar junto da rotunda, o local onde os futebolistas e familiares são esperados pelas 24.00, já depois da entrega da taça no Estádio da Luz.

O esquema de segurança previsto para o caso de o Benfica se sagrar campeão - basta um empate com o Santa Clara no jogo que disputa no Estádio da Luz a partir das 18.30 deste sábado pois mesmo que o FC Porto vença o Sporting e iguale os encarnados no primeiro lugar da classificação a equipa lisboeta tem vantagem no desempate - prevê a colocação de barreiras de cimento nas vias de acesso ao Marquês e o reforço da segurança com os elementos do Corpo de Operação Especiais e da investigação criminal que terão como missão tentar evitar roubos e atos de vandalismo.

Também o Grupo de Operações Especiais desta força de segurança estará de prevenção.

No caso de vitória da equipa treinada por Bruno Lage - será o 37.º título do principal campeonato de futebol nacional conquistado pelo Benfica - os festejos começam no estádio com a entrega da taça ao capitão de equipa, Jardel ou André Almeida, e seguem depois para o Marquês de Pombal com um desfile por algumas ruas de Lisboa num autocarro aberto. Na praça será montado um palco onde os atletas continuarão a festa enquanto os adeptos ocuparão a rotunda.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG