Daniel Ramos assinou por meia época com o Boavista

O treinador de 48 anos assumiu que quer fazer regressar os axadrezados aos tempos em que eram conhecidos como Boavistão.

O Boavista apresentou esta quarta-feira Daniel Ramos como novo treinador da sua equipa principal substituindo Lito Vidigal. O novo técnico assinou contrato válido até final da temporada, mas admitiu que "podia ter sido por três anos", mas justificou a opção: "O importante é o imediato, mas se for do agrado de todos, podemos prolongar o vínculo em qualquer altura."

Daniel Ramos admitiu que tem pela frente "uma grande responsabilidade", mas disse acreditar que está "à altura do desafio". "O Boavista é um grande do futebol português que passou por dificuldades, mas que quer recuperar a dimensão que teve. Quero fazer parte desse processo, do crescimento para um Boavistão. O clube deve orgulhar-se do seu passado e quero que esta época figure na história como uma época positiva. Não se pode esperar que isto surja de um dia para o outro, mas queremos implementar uma ideia de jogo positiva, que agrade e que valorize jogadores e equipa técnica", assumiu o técnico de 48 anos, que na época passada orientou Desp. Chaves e Rio Ave.

"Queremos trabalhar de forma árdua e vamos tentar passar as nossas ideias o mais cedo possível. Queremos ter um jogo mais atrativo e o meu desejo é que a época corra bem, quero que o jogadores me digam no fim da temporada que valeu a pena", assumiu.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG