Clubes cipriotas e entidades de saúde não se entenderam e a federação suspendeu o campeonato

Federação decidiu que os representantes nas competições europeias em 2020-21 serão o Omonia, Anorthosis, APOEL e Apollon.

Os clube e as entidades e saúde do Chipre não se entenderam quanto às regras para o regresso do futebol e a federação decidiu dar o campeonato como terminado. A liga de futebol cipriota da época 2019-200 foi esta sexta-feira cancelada, devido à pandemia de covid-19, com a federação a definir como representantes nas competições europeias em 2020-21, o Omonia, Anorthosis, APOEL e Apollon.

A decisão, hoje anunciada, deveu-se à recusa de uma série de protocolos sanitários propostos a um grupo de trabalho composto por especialistas em saúde pública, cujas exigências se tornaram intransponíveis, segundo a federação, entre as quais a quarentena obrigatória por duas semanas de toda a equipa em caso de teste positivo a um dos seus jogadores.

A Liga vai ainda crescer para 14 representantes em 2020-21, uma vez que sobem duas equipas, mas não descerá nenhuma de divisão, sem atribuição de campeão e com os primeiros quatro classificados indicados para as provas da UEFA.

Os campeonatos de futebol de França e dos Países Baixos foram cancelados, enquanto outros países preparam o regresso à competição, com fortes restrições, como sucede na Alemanha, Inglaterra, Itália, Espanha e Portugal, que tem o reinício da I Liga previsto para 4 de junho.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG