Chama-se Drinkwater mas vai ficar 20 meses sem carta por... conduzir embriagado

Médio do Chelsea apanhado com 87 microgramas de álcool por 100 mililitros, quando o limite em Inglaterra é de 35 mg/100 ml

O médio do Chelsea, Danny Drinkwater, foi condenado a 20 meses sem carta de condução e a fazer 70 horas de serviço comunitário depois de admitir que conduziu embriagado. Um acontecimento irónico para um jogador cujo apelido significa... beber água. A decisão foi revelada esta segunda-feira pelo Tribunal de Magistrados de Stockport.

O futebolista internacional inglês, 29 anos, foi apanhado com 87 microgramas de álcool por cada 100 mililitros de ar quando bateu com o seu Range Rover numa parede no dia 8 de abril na localidade de Mere, no condado Cheshire. O limite legal em Inglaterra é de 35 mg/100 ml.

Duas passageiras estavam no carro, avaliado em 125 mil libras (quase 145 mil euros) e que sofreu danos no valor de 50 mil libras (perto de 58 mil euros).

Drinkwater foi formado no Manchester United mas saltou para o estrelato quando em 2016 se tornou num dos heróis do título inglês conquistado pelo Leicester. No verão de 2017 mudou-se para o Chelsea, tendo sido contratado o médio internacional português para o substituir.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG