Benfica perde e falha acesso à final four da Liga dos Campeões de futsal

O Benfica perdeu esta sexta-feira por 4-2 com os espanhóis do Murcia, para o grupo C da ronda de Elite da Liga dos Campeões de futsal, a decorrer em Almaty, no Cazaquistão, e ficou afastado da final four da prova.

O campeão nacional, que na quinta-feira tinha perdido por 5-1 com os italianos do Pesaro Calcio, marcou primeiro pelo brasileiro Chaguinha, aos sete minutos, a passe de Fernandinho, mas em pouco mais de dois minutos sofreu três golos.

O brasileiro Felipe Valério empatou aos 10 minutos, assistido por Dario Gil, o seu compatriota Felipe Paradynski colocou o Murcia em vantagem aos 11, a passe de Matteus, e Pot Pacheco aumentou a vantagem aos 12, de livre.

Numa partida em que não pôde contar com o brasileiro naturalizado russo Robinho, por ter visto o segundo cartão amarelo, e em que o guarda-redes André Sousa se cotou em bom plano, o Benfica deparou-se com a falta de eficácia na concretização.

O Murcia elevou para 4-1 por Andresito, aos 14 minutos, a passe de Alberto Garcia, e a missão encarnada de ter de vencer para sonhar ainda com o apuramento para a final four ficou, ainda antes do intervalo, mais complicada.

A formação orientada por Joel Rocha entrou forte na segunda parte, mais rematadora do que a do Murcia e com mais posse de bola, mas sem conseguir materializar essa superioridade em golos.

O Benfica só aos 39 minutos reduziu a desvantagem pelo brasileiro Fernandinho, a passe do seu compatriota Fits, mas não conseguiu evitar a segunda derrota no grupo C, que dita o seu afastamento da final four da Liga dos Campeões.

O Benfica encerra a sua participação no grupo C da ronda de Elite no domingo, frente à formação anfitriã do Kairat Almaty, vice-campeã em título.

Sporting mais perto da fase decisiva

O Sporting deu esta sexta-feira mais um passo na defesa do título europeu de futsal, ao impor-se por 5-2 aos cazaques do Ayat, na segunda jornada do Grupo B da Ronda de Elite da Liga dos Campeões.

O Ayat necessitou de apenas 28 segundos para inaugurar o marcador, por intermédio de Lopatyuk, mas a equipa lisboeta deu a volta ao resultado no curto espaço de dois minutos, com golos dos italianos Cavinato, aos sete, e do Alex Merlim, aos nove.

O Sporting, que demonstrou clara superioridade sobre a equipa cazaque, aumentou a vantagem a 13 segundos do intervalo, por intermédio do brasileiro Alex, e iniciou a segunda parte a marcar o quarto golo, aos 23 minutos, através de Cardinal.

O brasileiro Matheus Preá devolveu alguma emoção ao encontro, ao reduzir aos 33 minutos, mas o Ayat nunca esteve em posição de contrariar o triunfo sportinguista, não ousando sequer alinhar com guarda-redes avançado na fase final, em que Cardinal bisou e fixou o 5-2 final, aos 39.

O Sporting, que na quinta-feira goleou por 4-0 os croatas do Novo Vrijeme, na primeira jornada da Ronda de Elite, isolou-se no topo da classificação, com três pontos de vantagem sobre o Tyumen, que poderá igualar os leões ainda esta sexta-feira.

Os russos, anfitriões do Grupo B e que na estreia bateram o Ayat, por 3-0, recebem o Novo Vrijeme a partir das 14:00 (hora de Lisboa) e, caso confirmem o favoritismo, discutirão no domingo com o Sporting a vitória no agrupamento, que proporciona o apuramento para a final four.

A equipa de Alvalade sagrou-se pela primeira vez campeã europeia de futsal na época passada, ao vencer na final os cazaques do Kairat Almaty, por 2-1, depois de ter sido finalista vencido em 2011, 2017 e 2018.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG