Boca Juniors recorre ao TAS para ser campeão sem jogar

Clube exige a desqualificação do River Plate após os incidentes registados junto do autocarro da equipa aquando do jogo da 2.º mão da Taça Libertadores. Na primeira mão registou-se um empate (2-2)

O Boca Juniors vai requerer ao Tribunal Arbitral do Desporto (TAS) a pedir a atribuição do título de campeão da Taça Libertadores... sem jogar a partida da segunda mão da final, frente ao River Plate, que está marcada para este domingo, no Estádio Santiago Bernabéu, em Madrid.

A confirmação foi dada por Daniel Angelici, presidente do clube, em declarações ao programa El Larguero da Cadena SER de Espanha.

O Boca vai pedir a desqualificação do rival, depois dos incidentes registados antes da partida no Monumental Nuñes, que acabaram com um ataque ao autocarro da equipa e levaram a CONMEBOL a mudar a segunda mão para o Bernabéu.

Depois do empate 2-2 cedido na primeira mão, na Bombonera, o Boca pretende que o River seja punido com a desqualificação.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG