West Ham vai interditar acesso a 200 adeptos devido aos desacatos de quarta-feira

O clube londrino pretende ainda levar esses adeptos a tribunal, de modo a impedi-los de entrar em qualquer estádio britânico

O West Ham anunciou hoje que vai interditar 200 dos seus adeptos, que estiveram envolvidos em desacatos durante o jogo com o Chelsea, da quarta eliminatória da Taça da Liga inglesa de futebol.

"O West Ham e o London Stadium estão a terminar a identificação de 200 indivíduos, que vão receber interdições de estádio por terem estado implicados nos incidentes à margem da vitória do West Ham contra o Chelsea [2-1] da Taça da Liga", pode ler-se na nota.

Depois de identificados, os adeptos serão interditados, não podendo voltar a pisar as bancadas do West Ham.

O clube londrino pretende ainda levar esses adeptos a tribunal, de modo a impedi-los de entrar em qualquer estádio britânico.

Depois de anunciar a detenção de sete adeptos por ofensas à ordem pública, a polícia de Londres retificou o número para seis, dos quais três foram constituídas arguidos.

Enquanto o jogo entre West Ham e Chelsea decorria, foram lançadas moedas, garrafas e cadeiras de plástico, sendo que antes do apito inicial, trinta pessoas foram impedidas de assistir ao duelo entre as duas equipas de Londres.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG