UEFA rejeita recurso do Valência após penálti legal

Bola a entrou totalmente na baliza, mas bateu numa trave interior e ressaltou para fora. Árbitro não validou o golo

O Valência viu hoje ser rejeitado pela UEFA o recurso do jogo da Youth League de futebol, no qual a equipa foi eliminada nos oitavos de final, com o árbitro a não validar um penálti dos espanhóis.

O jogo, disputado num centro de treinos do Chelsea, terminara com um empate a 1-1 e no desempate por grandes penalidades o árbitro suíço Adrien Jaccottet não considerou a grande penalidade apontada pelo espanhol Alberto Gil.

O jogador rematou para o lado direito do guarda-redes, com a bola a entrar totalmente na baliza, mas batendo numa trave interior e ressaltando para fora. O Chelsea acabaria por vencer no desempate por 5-3.

O Valência diz que lamenta decisão da UEFA e diz querer "animar os jovens jogadores", para "continuarem motivados" e a acreditarem "num jogo limpo".

A Youth League, competição para juniores que na fase de grupos replica o modelo as equipas e modelo da Liga dos Campeões, cumpre a sua terceira edição, depois de FC Barcelona ter vencido a primeira e o Chelsea a segunda.

O Benfica foi finalista vencido na primeira, perdendo com os catalães por 3-0. Nesta edição a equipa 'encarnada' está nos quartos de final, nos quais defrontará fora o Real Madrid.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG