Tribunal confirma eliminação, Real Madrid recorre

O Tribunal Administrativo do Desporto (TAD) espanhol negou esta segunda.-feira o recurso apresentado pelo Real Madrid e confirmou a sua eliminação da Taça do Rei de Espanha, por uso irregular de um jogador.

O TAD, que no passado dia 11 de dezembro já tinha rejeitado um pedido de providência cautelar da decisão, deu razão à federação espanhola (RFEF), que tinha punido o Real Madrid com a desqualificação da prova e uma multa de 6.001 euros, devido à presença de Cheryshev na vitória (3-1) sobre o Cádis, no encontro da primeira mão dos 16 avos de final. O extremo russo, que até marcou o primeiro golo do encontro, tinha um jogo de suspensão por cumprir da época passada, quando estava ao serviço do Villarreal.

Em reação, o Real Madrid anunciou que vai recorrer para os tribunais administrativos. "O clube respeita, mas não compartilha da decisão do TAD e, por isso, comunica a sua decisão em fazer seguir o processo pela via administrativa, independentemente de outras possibilidades legais que estão a ser estudadas", lê-se num pequena nota publicada pelo Real Madrid no seu site oficial.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG