André Geraldes diz-se de "consciência absolutamente tranquila"

Diretor desportivo dos leões abordou, via facebook, o facto de o seu nome ter sido envolvido num alegado esquema de corrupção que terá proporcionado o título de andebol aos leões na temporada passada

André Geraldes, diretor desportivo do Sporting, abordou, via facebook, pela primeira vez o facto de o seu nome ter sido associado como o mentor de um esquema de corrupção no andebol de forma a que os leões vencessem o campeonato nacional da temporada passada.

"Estou de consciência absolutamente tranquila, confio plenamente na minha equipa e estou focado na tarefa de preparar o futebol profissional do Sporting Clube de Portugal para a final da Taça de Portugal (...) Nada nem ninguém me vai desviar do rumo traçado. Nada tenho a esconder e estou inteiramente disponível para colaborar no apuramento de toda a verdade de um caso, em relação ao qual sou completamente alheio."

Exclusivos

Premium

Betinho

Betinho: "NBA? Havia campos que tinham baldes para os jogadores vomitarem"

Nasceu em Cabo Verde (a 2 de maio de 1985), país que deixou aos 16 anos para jogar basquetebol no Barreirense. O talento levou-o até bem perto da NBA, mas foi em Espanha, Andorra e Itália que fez carreira antes de regressar ao Benfica para "festejar no fim". Internacional português desde os Sub-20, disse adeus à seleção há apenas uns meses, para se concentrar na carreira. Tem 34 anos e quer jogar mais três ou quatro ao mais alto nível.