Contas anuais com resultado positivo de 30,5 milhões de euros

A SAD do Sporting apresentou esta terça-feira o Relatório e Contas da época 2016/17

O presidente do Sporting, Bruno de Carvalho, anunciou umesta quinta-feira um resultado anual positivo de 30,5 milhões de euros da SAD do clube no exercício de 2016/2017, desempenho que atribuiu ao "trabalho magnífico" no atual e anterior mandato.

"O Sporting era um clube falido. Se hoje podemos dizer que o Sporting é nosso, isso deve-se ao trabalho magnífico que os órgãos sociais da SAD e do clube fizeram. Senão, das duas uma, o Sporting ou era um clube falido, ou tinha um dono", disse, na conferência de imprensa de apresentação das contas 'leoninas'.

Na ocasião, Bruno de Carvalho adiantou que o volume de negócios no período foi de 173 milhões de euros, incluindo a alienação de direitos económicos e desportivos de jogadores, bem como capitais próprios positivos de cerca de seis milhões de euros.

"Se há cinco anos perguntássemos a alguém em Portugal se achava que a situação do Sporting iria ser a que estamos a viver (...) tenho a certeza que as pessoas, além de se rirem, mandariam internar quem fizesse estas afirmações", afirmou o presidente do Sporting, acrescentando: "Isto traduz o meu estilo, a minha forma e o meu conteúdo: trabalho árduo, mas nunca deixando de ser o que sou, que é isso que tem trazido o sucesso ao Sporting".

Na ocasião, Bruno de Carvalho esclareceu que o Sporting já comunicou à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) o negócio com os ingleses do Leicester para a transferência do internacional português Adrien Silva e desmentiu que tenha chegado a Alvalade qualquer "proposta formal" do West Ham, clube da Primeira Liga inglesa de futebol, por William Carvalho.

"As pessoas do West Ham podem dizer o que quiserem, são livres. O Sporting já anunciou que vai fazer queixa à FIFA de todo o procedimento do West Ham (...) O Sporting não teve nenhuma proposta formal do West Ham e por isso o que eles dizem ou não dizem é perfeitamente igual", disse."

O líder dos 'leões' acrescentou ainda que também não venderia o jogador pelo dinheiro que os ingleses alegam ter oferecido: "Por 25 milhões, nem lhes mostrava o Mama Baldé, quanto mais o William Carvalho. Por isso, também vinham bater à porta errada".

Bruno de Carvalho sublinhou ainda que William Carvalho "está de alma e coração no Sporting" e que "vai demonstrar que é um grande jogador", num ano importante, em que se disputa um campeonato do Mundo de futebol.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG