"Adrien continua a acreditar que vai ser campeão nesta época"

Jérémy, fisioterapeuta, ajudou na recuperação do irmão, que ontem já treinou sem limitações. E ao DN faz uma confidência

Adrien Silva voltou ontem a treinar sem qualquer limitação, o que não deixa de ser uma boa notícia para Jorge Jesus, pois desde que o capitão está fora dos planos, devido a lesão, o melhor que os leões conseguiram foi um triunfo, muito suado, no terreno do Famalicão por 1-0, em jogo respeitante à 3.ª eliminatória da Taça de Portugal.

Estava previsto um período de inatividade entre quatro a seis semanas, mas a verdade é que só na quarta-feira perfaz um mês desde que foi operado ao menisco, aproveitando a lesão muscular contraída em Guimarães.

Ao contrário de outros futebolistas, Adrien teve a ajuda na recuperação do irmão Jérémy, que é sócio de uma empresa de fisioterapia e que trata de outros futebolistas, para além de Adrien, como Kevin Gameiro ou Mangala.

"Ajudámos na recuperação do Adrien. Trabalhámos em conjunto, com o Adrien e com o médico do Sporting, estivemos sempre a acompanhar. Houve uma fase inicial em que ele esteve mais connosco, sob a supervisão do Sporting, e agora mais recentemente trabalhou no clube e nós ficámos mais à parte", explica Jérémy Silva ao DN.

Enquanto esteve lesionado, Adrien viu o Sporting perder quatro pontos para o Benfica - empates com Tondela e Nacional - e ainda ser derrotado em casa, em partida da Liga dos Campeões, diante do Borussia Dortmund, um resultado que comprometeu seriamente a possibilidade de os leões se apurarem para os oitavos-de-final da prova milionária da UEFA.

"Ele fica triste. Ficar de fora já é complicado e com os resultados assim queria era ajudar. Como capitão é difícil ver os colegas a sofrer e não poder ajudar. Não pode fazer muita coisa a não ser apoiar por fora.

É complicado, nesta fase ele queria ajudar muito. Mas agora claro que está feliz. Trabalhou muito forte para voltar o mais cedo possível, mas sem correr qualquer risco. Está muito adiantado na recuperação, mas está tudo a correr bem e agora a equipa médica do Sporting e o treinador vão escolher o melhor momento para ele voltar", salienta Jérémy, que alerta para a forte ambição do irmão, apesar da distância que separa os leões do líder Benfica.

"O Adrien continua a acreditar na conquista do título nesta época. O que ele quer, acima de tudo, é ser campeão nacional pelo Sporting. Vimos o que se passou com o Benfica no ano passado, o atraso que tinham para o Sporting e depois foram campeões por dois pontos apenas. Todas as equipas atravessam um período com resultados menos bons, o do Sporting está a ser agora, mas o Benfica também vai ter esse momento e o FC Porto também. Há que acreditar, nunca se sabe o que se pode passar até ao fim do campeonato", esclarece o irmão do capitão leonino.

Fica agora por saber quando vai ser o momento da reaparição em cena do internacional português. Jérémy Silva, apesar de ter acompanhado a recuperação bem de perto, diz não saber quando é que tal poderá suceder.

"Não sei, não posso responder a essa pergunta porque não sei. Eu não tenho nenhum poder de decisão, a equipa médica do Sporting é que sabe como é que ele está neste momento", conclui.
Resta dizer que o próximo encontro do Sporting é já depois de amanhã em Dortmund, encontro que deve ainda registar a ausência do capitão leonino. Segue-se o Arouca no domingo e é aqui que pode reinar a grande incógnita, pois é bem possível que o médio seja um dos convocados para esta partida do campeonato, prova para a qual o Sporting não vence há três jornadas.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG