Sporting e Benfica empatam, leões mantêm a liderança

Empate a dois golos na 10.ª jornada do campeonato nacional de futsal

Sporting e Benfica empataram hoje a dois golos, na décima jornada do campeonato nacional de futsal, em jogo muito condicionado pelas condições do piso, mas que valeu pela qualidade e equilíbrio entre as duas equipas.

Os tentos surgiram apenas no segundo tempo, com os 'encarnados' a adiantaram-se na partida, aos 25 minutos, por Elisandro. Os campeões nacionais deram a volta no marcador, aos 29, através de um autogolo de Fábio Cecílio e, aos 32, por Fortino, enquanto o italiano Alessandro Patias viria a repor a igualdade a dois minutos do final.

Este resultado mantém o Sporting na liderança do campeonato, com 25 pontos, mas menos um jogo, enquanto as 'águias' estão imediatamente atrás, no segundo lugar, com 23.

Sem poder contar com melhor marcador do campeonato, o italiano Diego Cavinato, os 'leões' entraram melhor na quadra e tiveram a primeira grande ocasião do dérbi, logo no primeiro minuto. Deo, numa reposição de linha lateral, assistiu Caio Japa, que atirou inacreditavelmente por cima da baliza.

Aos poucos, os jogadores da ambas as equipas sentiram dificuldades com o piso do Pavilhão Municipal do Entroncamento, acabando por escorregar várias vezes, devido à humidade e à água que ia pingando na quadra. Ainda assim, os 'encarnados' conseguiram equilibrar a partida e Elisandro, aos 08 minutos, atirou ao ferro da baliza de Marcão, que ainda conseguiu fazer um desvio decisivo.

Nesta altura, a qualidade de jogo melhorou, o Benfica conseguiu anular a superioridade do Sporting com transições rápidas e Rê, numa jogada individual, obrigou o guardião 'leonino' a uma grande intervenção para canto.

No arranque da segunda parte, as interrupções para a limpeza da quadra diminuíram, mas as dificuldades nos dribles e nas jogadas dos atletas eram notórias. No entanto, foi o Benfica, novamente, a criar perigo pelos pés do 'pivot' Patias, que, isolado na cara de Marcão, rematou ao lado.

O Sporting dominava e controlava o encontro, mas as melhores oportunidades pertenciam à equipa da Luz, que à passagem do minutos 25 desfez a igualdade. Após uma reposição de linha lateral, Elisandro, à entrada da área, 'fuzilou' Marcão, que desta vez não conseguiu dar continuidade às grandes defesas até ao momento.

Os pupilos de Nuno Dias não se mostraram afetados com o tento sofrido e em apenas três minutos operaram a reviravolta no marcador. Primeiro, num lance infeliz para o Benfica, em que, após um remate forte de Diogo à barra, a bola acabou por bater nas costas de Fábio Cecílio e entrar na baliza. Depois, numa jogada bem construída pelo italiano Merlin, com Fortino, sobre a linha de golo, a 'encostar' para o fundo das redes.

Na etapa complementar, os 'encarnados' apostaram no guarda-redes avançado e voltaram a empatar a partida, por Alessandro Patias. Uma circulação rápida da bola e uma falha de marcação de Caio Japa permitiram ao italiano do Benfica fixar o resultado final.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG