Pizzi e Rui Vitória eleitos os melhores do ano

O treinador e médio benfiquistas, foram esta sexta-feira distinguidos como os melhores da I Liga, durante o kick-off da época 2017/18, que está a decorrer no Terminal de Cruzeiros de Leixões, em Matosinhos

O treinador do Benfica, Rui Vitória, foi esta sexta-feira distinguido como treinador do ano da I Liga, durante o kick-off da temporada 2017/18, que está a decorrer esta sexta-feira no Terminal de Cruzeiros de Leixões, em Matosinhos. Daniel Ramos (Marítimo) e Pedro Martins (V. Guimarães) também estavam nomeados.

Outro benfiquista, Pizzi, foi eleito o melhor jogador da I Liga. Os sportinguistas Bas Dost e Gelson Martins também estavam na corrida.

A cerimónia contempla entrega de prémios relativos à época anterior e o sorteio dos calendários das competições profissionais 2017/18.

O Portimonense, recém-promovido à I Liga, recebeu o prémio Fair Play relativo à II Liga.
Sérgio Ferreira recebeu o prémio de Delegado do Ano.
Rui Costa (Varzim) foi eleito jogador revelação da II Liga, batendo a concorrência de Paulinho (Portimonense) e Xadas (Braga B).
Nélson Semedo (Benfica) é o jogador revelação da I Liga, à frente de Gelson (Sporting) e Iuri Medeiros (Boavista).
Ricardo Ferreira (Portimonense) recebeu o prémio de melhor guarda-redes da II Liga. Quim (Desp. Aves) e Ricardo Ribeiro (Académica) eram os outros nomeados.
Ederson (Benfica) foi eleito melhor guarda-redes da I Liga, batendo a concorrência de Rui Patrício (Sporting) e Vaná Alves (Feirense).
Pires (Portimonense), com 23 golos apontados, recebeu o galardão de melhor marcador da II Liga.
O holandês Bas Dost (Sporting), autor de 34 tentos, levou para casa o prémio de melhor marcador da I Liga.
Vítor Oliveira, que levou o Portimonense à I Liga, é o treinador do ano da II Liga. Jorge Casquilha (União da Madeira) e Abel Ferreira (Sp. Braga B) também estavam nomeados.

Paulinho (Portimonense) recebeu o prémio de melhor jogador do ano da II Liga, ganhando a corrida a Paulinho (Gil Vicente) e Filipe Chaby (Sp. Covilhã).

O golo de Salvador Agra, pelo Nacional ao Marítimo, de pontapé de bicicleta, foi eleito o melhor golo do ano da I Liga.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG