Rodríguez sentiu-se indisposto, mas deve alinhar na Volta ao Algarve

Ciclista espanhol é um das muitas estrelas que vão marcar presença na prova portuguesa que começa esta quarta-feira

O ciclista espanhol Joaquim Rodríguez, a maior figura da Katusha, sentiu-se hoje indisposto durante o treino da equipa russa, mas deve alinhar na partida da Volta ao Algarve, na quarta-feira.

Esperado na conferência de imprensa da Katusha, que decorreu numa unidade hoteleira de Lagoa, o veterano espanhol não apareceu, com a sua ausência a ser justificada pelo diretor desportivo José Azevedo.

"Fomos treinar e no final do treino sentia-se indisposto. Queixou-se de dores de cabeça e de estômago. Não sabemos o que tem. À hora de almoço não se sentia mesmo bem, nem conseguiu almoçar. Esta a ser observado pelo médico, esperamos que possa alinhar [à partida da Volta ao Algarve]", disse o português.

Azevedo contou que 'Purito', tal como os restantes elementos da equipa russa, chegaram na segunda-feira à noite ao Algarve, e que tudo estava normal até hoje de manhã.

"Começou a sentir-se estranho durante o treino", explicou, salientando que espera que a indisposição de Rodríguez não signifique que não estará no arranque da primeira etapa, que na quarta-feira vai ligar Lagos a Albufeira, no total de 163,6 quilómetros.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG