Marcos Freitas falha meias-finais

Mesatenista português conseguiu ainda assim a melhor posição de sempre para Portugal, no torneio olímpico individual

O mesatenista português Marcos Freitas foi ontem eliminado pelo japonês Jun Mizutani nos quartos-de-final do torneio olímpico de singulares, ao perder por 5-2 em sets.

O jogador madeirense ganhou o segundo e o quinto parcial do encontro frente ao número 6 do Mundo, por 11-9 e 12-10, mas os restantes foram todos favoráveis ao nipónico (11-4, 11-3, 11-8 e 11-2), muito forte no último set a impedir qualquer tentativa de reação do português..

Marcos Freitas, que alinha nos franceses do Pontoise, conseguiu ainda assim o melhor resultado individual de sempre do ténis de mesa nacional, um 5.º lugar, depois de tanto em Londres 2012 como em Pequim 2008 ter terminado em 17.º lugar.

Agora, Marcos Freitas, atual 12.º do Mundo, vai ainda disputar a prova por equipas, juntamente com João Pedro Monteiro e Tiago Apolónia, sendo que o primeiro adversário da seleção é a Áustria, atual campeã europeia em título. O jogo está marcado para dia 12.

Exclusivos