"A minha é a vermelha!" O problema de bagagem da equipa da Grã-Bretanha

O bom planeamento do Comité Olímpico britânico não se estendeu à bagagem

A equipa da Grã-Bretanha teve uns Jogos Olímpicos em cheio, conseguindo o segundo lugar no pódio dos países com mais medalhas, superando mesmo os resultados dos de Londres, há quatro anos. Mas o bom planeamento do Comité Olímpico não se estendeu à bagagem - houve, pelo menos, um pormenor em que não pensaram, quando ofereceram as malas a todos os atletas: a confusão no aeroporto.

Uma vez que todas as malas eram iguais, os atletas tiveram problemas sérios para encontrar as suas na chegada a Londres, na terça-feira. "A minha é a vermelha!", escreveu o windsurfer Nick Dempsey no Twitter, rodeado de malas vermelhas. "Encontrar a minha mala pode ser mais difícil do que a corrida", partilhou o remador Matt Langridge.

Não foi o único:

Os problemas não parecem ter afetado a boa disposição e são apenas um pormenor quando na bagagem há 67 medalhas, 27 de ouro.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG