Gianni Infantino satisfeito com estreia do vídeo-árbitro

Presidente da FIFA revela que o sistema revelou-se eficaz no auxílio a Artur Soares Dias

O presidente da FIFA, Gianni Infantino, considerou hoje que a experiência de uso de vídeo-árbitro no jogo de futebol entre a Itália e a Alemanha, arbitrado por Artur Soares Dias, "correu bem".

"Usamos o vídeo-árbitro em duas situações, para o golo em fora de jogo da Alemanha e para o possível penálti da Itália, que afinal não era. Funcionou bem, vamos continuar neste caminho e vamos ajudar os árbitros", disse hoje o representante máximo do organismo de cúpula do futebol mundial, em declarações à televisão italiana Rai Sport.

Jorge Sousa desempenhou as funções de vídeo-árbitro no jogo particular entre a Itália e a Alemanha, em Milão, numa partida que terminou empatada a zero e que foi dirigida por Artur Soares Dias, com Hugo Miguel como quarto árbitro.

Jorge Sousa já tinha tido uma primeira experiência como vídeo-árbitro, na final da Supertaça portuguesa, disputada em agosto, entre o Benfica e o Sporting de Braga, que a equipa lisboeta ganhou por 3-0.

Infantino declarou ainda a vontade de contar com a colaboração do ex-jogador Diego Maradona em projetos da FIFA, uma vez que o futebol está "enormemente agradecido" ao astro argentino.

"O que fez pelo futebol é incrível, fez com que nos apaixonássemos por este desporto. Tenho uma boa relação com ele e espero que possamos fazer alguma coisa juntos no futuro", atirou o líder da FIFA.

Quanto à seleção argentina, que hoje, pelas 23:30, joga com a Colômbia uma partida decisiva para o apuramento para o Mundial2018, na Rússia, o dirigente destacou os "apuramentos muito duros" da zona sul-americana.

"São dez equipas e são todas muito fortes", rematou.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG