Portugueses conquistam ouro e bronze nos Mundais

Dupla Joana Moreira e Rita Ferreira conquistou o ouro

O par feminino português composto por Joana Moreira e Rita Ferreira sagrou-se campeão do mundo de ginástica acrobática no grupo de idades 12-18 anos, em Putian, na China, onde mais duas duplas lusas arrecadaram medalhas de bronze.

Joana Moreira e Rita Ferreira terminaram a competição com 27.750 pontos, superiorizando-se a um par da Grã-Bretanha (27.400) e a outro da Holanda (27.000), que arrecadaram as medalhas de prata e bronze, respetivamente.

Em pares masculinos, no mesmo grupo de idades, Henrique Branco e Tomás Filipe, conquistaram a medalha de bronze, terminando atrás da Rússia e da Grã-Bretanha, medalhas de prata e ouro, respetivamente.

Na classe de grupos masculinos, também na categoria 12-18 anos, Henrique Silva, Henrique Piqueiro, João Pereira e Miguel Silva, arrecadaram a medalha de bronze, com a Grã-Bretanha a garantir o ouro, e o Cazaquistão a prata.

Em grupos femininos, Portugal esteve representado por Francisca Branco, Constança Lopes e Irina Quintas, que concluíram no oitavo lugar.

Em pares femininos, no escalão 13-19, Beatriz Ferreira e Catarina Martins foram quartas classificadas, enquanto em pares mistos Marta Nunes e Filipe Santana terminaram a final no sexto posto.

Na prova de grupos feminino Carolina Dias, Matilde Moura e Raquel Ferreira foram quintas classificadas.

Exclusivos

Premium

Legionela

Maioria das vítimas quer "alguma justiça" e indemnização do Estado

Cinco anos depois do surto de legionela que matou 12 pessoas e infetou mais de 400, em Vila Franca de Xira, a maioria das vítimas reclama por indemnização. "Queremos que se faça alguma justiça, porque nunca será completa", defende a associação das vítimas, no dia em que começa a fase de instrução do processo, no tribunal de Loures, que contempla apenas 73 casos.