Oficial: Vitinha assina pelo PSG

O médio internacional luso rubricou um contrato válido até 2027. Parisienses pagaram 41,525 milhões de euros.

O médio português Vitinha deixou o FC Porto e assinou pelo Paris Saint-Germain, oficializou o emblema parisiense nas redes sociais e os dragões em comunicado enviado à CMVM.

O internacional luso rubricou um contrato válido até 2027.

O campeão francês não só bateu a cláusula de rescisão do jogador, que se cifrava nos 40 milhões de euros, como a superou, uma vez que o custo da transferência é de 41,525 milhões de euros.

"A Futebol Clube do Porto - Futebol, SAD, nos termos do artigo 29º Q do Código dos Valores Mobiliários, vem informar o mercado que chegou a acordo com o Paris Saint-Germain FC (PSG) para a cedência, a título definitivo, dos direitos de inscrição desportiva do jogador profissional de futebol Vitor Ferreira ("Vitinha") pelo valor de 41,525M€ (quarenta e um milhões, quinhentos e vinte e cinco mil euros). Mais se informa que a FC Porto - Futebol, SAD terá encargos com serviços de intermediação de 4M€ (quatro milhões de euros)", pode ler-se na CMVM.

Na capital francesa, Vítor Ferreira será colega dos portugueses Nuno Mendes e Danilo, e de estrelas como Messi e Mbappé.

Vitinha será o 14.º jogador português a representar o PSG, clube onde no passado jogaram Pauleta, Humberto Coelho, Hugo Leal, Kenedy, Gonçalo Guedes, João Alves, entre outros.

O médio foi um dos jogadores mais em destaque na época passada, que terminou com o FC Porto a conquistar a dobradinha (juntou a Taça de Portugal ao campeonato). Realizou um total de 47 jogos em todas as competições oficiais, tendo marcado quatro golos e feito três assistências.

Produto das camadas de formação do FC Porto, Vitinha teve uma experiência anterior no estrangeiro. Em setembro de 2020 foi cedido ao Wolverhampton, ficando o clube inglês com opção de compra por 20 milhões de euros. A cláusula não foi exercida e no início da época passada o médio de 22 anos regressou ao FC Porto, onde rapidamente se impôs, tornando-se num dos jogadores mais importantes do xadrez de Sérgio Conceição.

Foi por isso com naturalidade que as sondagens começaram a chegar à SAD portista nas últimas semanas, até porque o jogador tinha uma cláusula de rescisão relativamente baixa. Além do PSG, também o Manchester United chegou a mostrar interesse, assim como outros clubes ingleses e espanhóis.

Vitinha, que se estreou pelo FC Porto a 14 de janeiro de 2020, na vitória por 2-1 sobre o Varzim, já mereceu a confiança do selecionador Fernando Santos, que o convocou pela primeira vez para os jogos do play-off do Mundial 2022. Estreou-se a 29 de março de 2020 diante da Macedónia do Norte, quando entrou já no tempo de compensação para o lugar de João Moutinho.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG