Nelson Oliveira foi quarto no contrarrelógio

O português Nelson Oliveira ficou hoje a um lugar do pódio no 'crono' dos mundiais que decorren em Bergen, na Noruega, ao cumprir a prova em 46.09,52 minutos, à média de 40,296 km/h.

O ciclista da Movistar, de 28 anos, conseguiu o seu melhor resultado internacional no contrarrelógio, depois de ter sido sétimo no Mundial de 2014, em Ponferrada, e nos Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro.

Nelson Oliveira, quatro vezes campeão nacional, perdeu apenas para o holandês Tom Dumoulin, o novo campeão do Mundo, o esloveno Primoz Roglic, segundo, e o britânico Chris Froome, terceiro, com menos 7,27 segundos do que o português.

Exclusivos

Premium

Nuno Severiano Teixeira

"O soldado Milhões é um símbolo da capacidade heroica" portuguesa

Entrevista a Nuno Severiano Teixeira, professor catedrático na Universidade Nova de Lisboa e antigo ministro da Defesa. O autor de The Portuguese at War, um livro agora editado exclusivamente em Inglaterra a pedido da Sussex Academic Press, fala da história militar do país e da evolução tremenda das nossas Forças Armadas desde a chegada da democracia.

Premium

Ferreira Fernandes

A angústia de um espanhol no momento do referendo

Fernando Rosales, vou começar a inventá-lo, nasceu em Saucelle, numa margem do rio Douro. Se fosse na outra, seria português. Assim, é espanhol. Prossigo a invenção, verdadeira: era garoto, os seus pais levaram-no de férias a Barcelona. Foram ver um parque. Logo ficou com um daqueles nomes que se transformam no trenó Rosebud das nossas vidas: Parque Güell. Na verdade, saberia só mais tarde, era Barcelona, toda ela.