Liverpool permite reviravolta e fica mais longe da liderança

O Liverpool perdeu por 4-3 na visita ao Bournemouth e falhou a subida ao 2.º lugar

O Liverpool desperdiçou hoje, por duas vezes, uma vantagem de dois golos e saiu derrotado por 4-3 do terreno do Bournemouth, que protagonizou uma fantástica reviravolta na 14.ª jornada do campeonato inglês de futebol.

Com este desaire, o segundo na Premier League, os 'reds' caíram para o terceiro posto e deixaram fugir o Chelsea na liderança na competição. Os londrinos vão terminar a ronda com três pontos de vantagem sobre o Arsenal, que é o novo segundo classificado.

O Liverpool teve a vitória praticamente garantida, mas acabou por permitir a recuperação do Bournemouth, que chegou ao triunfo graças a um golo do holandês Nathan Ake, alcançado já nos descontos, aos 90+3 minutos, num lance em que teve a 'preciosa' ajuda do guarda-redes dos 'reds', o alemão Karius.

Com dois golos de 'rajada', aos 20 e 22 minutos, marcados pelo senegalês Mané e pelo belga Origi, respetivamente, a equipa comandada pelo germânico Jurgen Klopp chegou ao intervalo com uma confortável vantagem, mas o Bournemouth reduziu aos 56, por Wilson, na marcação de uma grande penalidade.

Pouco depois, aos 64 minutos, o alemão Emre Can repôs a diferença de dois golos no marcador e parecia, na altura, ter decidido o encontro para o Liverpool, mas a formação da casa acabou por realizar um último quarto de hora demolidor.

Fraser reduziu aos 76 minutos e, aos 78, Cook refez a igualdade no marcador, antes de Ake levar o estádio Dean Court ao delírio nos descontos.

Com este triunfo, o Bournemouth subiu ao 10.º posto, com 18 pontos, e colocou a dois dos lugares que dão acesso às competições europeias na próxima temporada.

No outro encontro de hoje, o Everton recebe o Manchester United, equipa treinada pelo português José Mourinho.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG