Jorge Sousa é o vídeo-árbitro na Supertaça

Federação vai fazer primeiro teste no Benfica-Sp. Braga, em Aveiro, ainda sem a intervenção direta do juiz da partida.

Jorge Sousa será o vídeo-árbitro na Superataça Cândido Oliveira, domingo, entre o Benfica e o Sp. Braga, em Aveiro. Este será o primeiro de dez teste em off da Federação Portuguesa de Futebol na sequência do protocolo assinado com o Internacional Football Association Board (IFAB).

O primeiro teste, o jogo da Suertaça, será feito sem qualquer comunicação com o árbitro de campo, que só será conhecido quinta-feira, mas sim com um ex-árbitro na bancada, no caso João Ferreira, que comunicará com Jorge Sousa, que estará no carro de análise.

"Neste primeiro ano, todos os testes vão ser em 'off', o que significa que o árbitro não terá qualquer comunicação com o vídeo-árbitro. No segundo ano, serão escolhidos alguns jogos em que, aí sim, os árbitros já estarão 'on'", explicou João Ferreira.

A Federação Portuguesa de Futebol (FPF) foi uma das nove federações que se mostrou disponível, junto do International Board, para avançar com testes de vídeo-árbitro e desde maio que se ficou a saber que o primeiro teria lugar na partida que coloca frente a frente o campeão nacional e o vencedor da Taça de Portugal.

Depois, os restantes nove testes em off acontecerão a partir dos quartos-de-final da Taça de Portugal 2016/17, cuja organização também é responsabilidade da FPF, que suportará todos os custos inerentes a esta fase de testes. "Nesta fase embrionária, ainda não faz sentido adiantar números. De qualquer forma, a FPF suportará as despesas e IFAB contribuirá aquando da fase do relatório final", frisou Hugo Freitas, director de tecnologia da Federação.

O auxílio ao árbitro vai assentar em quatro lances capitais: penáltis, validação de golos, expulsões e identificação de jogadores.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG