Joana Schenker e Teresa Almeida arredadas da final

Portuguesas ficaram pelas meias-finais do Europeu de bodyboard no Caparica Primavera Surf Fest

O segundo dia de competição do Caparica Primavera Surf Fest 2018 (CPSF 2018) foi marcado pela eliminação da campeã do circuito europeu e mundial, Joana Schenker, e da nazarena Teresa Almeida, as duas maiores esperanças nacionais do circuito europeu que abriu o CPSF, o maior festival europeu de ondas e música que decorre até 31 de março nas praias do Dragão e Paraíso, na Costa da Caparica.

Num dia marcado pelo mau tempo, Joana Schenker não resistiu ao poderio da tetracampeã mundial Isabela Sousa, brasileira que reside há alguns meses em Portugal, enquanto Teresa Almeida foi surpreendida pela revelação espanhola Teresa Padilla, jovem de 17 anos oriunda das Canárias. Ambas chegaram às meias-finais, o que, ainda assim, as deixa em posição favorável para a luta pelo título europeu.

Isabela Sousa, que está a passar por uma "fase muito boa" da sua vida, com a mudança para Portugal, assumiu o entusiasmo pela final que terá lugar nas primeiras horas de amanhã:

"Estou numa fase muito boa da minha vida. Estou a abraçar um novo projeto com o Estoril Praia e quero passar muitos anos em Portugal, talvez até ficar cá para o resto da vida", começou por dizer a campeã brasileira, acrescentando: "Quanto à final de amanhã, conheci a Teresa Padilla o ano passado, no Mundial da Madeira, e depois encontrei-a no Mundial das Canárias, no Frontón. Ela foi terceira classificada em ambas as provas e gosto muito de a ver competir, tem aquele brilho nos olhos que me lembra muito de mim própria quando era mais nova. Mas apesar de ter esse carinho por ela, amanhã é para ganhar!"

Se de um lado há carinho, do outro há, acima de tudo, um imenso respeito, como assume Teresa Padilla: "A Isabela é um ídolo para mim, por isso é uma alegria muito grande poder fazer esta final com ela."

Miguel Ferreira em todas as frentes

Na competição masculina, destaque para o carcavelense Miguel Ferreira, que se qualificou para as meias-finais Open, onde surfará com o francês Maxime Castillo e, em simultâneo para a final do projunior com o também francês Txomin Lopez.

Pelo caminho, ficaram alguns dos maiores candidatos à vitória, tais como o campeão em título Alex Uranga, de Espanha, o francês Pierre Louis Costes ou os portugueses Hugo Pinheiro, Manuel Centeno, António Cardoso ou Dino Carmo.

Amanha, pela manhã, terão lugar as meias-finais e finais Open, a final feminina e a final do projunior.

Desporto Escolar consagra vencedores

No Desporto Escolar, Samuel Hearn venceu o surf Inciados, batendo Bruno Marçal, Julian Seyffert e Ricardo Rico. No surf feminino, Mariana Gonçalves foi a vencedora, secundada por Rita Jorge, Emma Silva e Raquel Vale. Entretanto, no skimboard Vasco Santos foi o vencedor, com João Pacheco, Francisco Mittermayer e Rodrigo Eusébio a completar o pódio.

Amanhã decorrem as finais de Bodyboard deste primeiro Circuito Nacional de Desporto Escolar.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG