Futebolista Arnold Peralta foi morto a tiro em assalto

O internacional hondurenho tinha 26 anos, jogou no Rangers e estava a representar o Olimpia

O defesa-direito Arnold Peralta, futebolista da seleção das Honduras, foi morto na quinta-feira com arma de fogo na cidade de La Ceibe, informou a polícia hondurenha.

O jogador do Olimpia, que esteve ligado ao Rangers, de Escócia, foi baleado no parque de estacionamento de um centro comercial naquela cidade do norte do país centro-americano, disse aos jornalistas um porta-voz da Polícia Nacional, Wilmer Sequeira.

Citando versões de testemunhas, a mesma fonte disse que Peralta, de 26 anos, preparava-se para entrar no seu carro quando foi assaltado por indivíduo que o baleou na cabeça.

O jogador do Olimpia, o clube mais popular e mais laureado das Honduras, com 29 títulos, desde a dunção da Liga profissional em 1965, tinha sido convocado na quinta-feira para o jogo particular das Honduras com Cuba, a 16 de dezembro.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG