José Peseiro: "A equipa já fez coisas muito boas"

Técnico do FC Porto lamenta que não tenha tido tempo para preparar uma equipa à sua "imagem"

O treinador do FC Porto, José Peseiro, admitiu hoje que a equipa sente que "não pode falhar", adivinhando "máxima exigência" para a deslocação de sábado a Setúbal, em jogo da 27.ª jornada da I Liga de futebol.

O clube 'azul e branco' venceu (3-2) na receção ao União da Madeira na última jornada, mas o golo da vitória só surgiu aos 87 minutos, situação que Peseiro considerou que se deve a alguma "intranquilidade", algo que promete que estará ultrapassado no jogo com o Vitória de Setúbal.

"Sentimos que não podemos falhar. Estamos, em relação aos nossos rivais, sem margem de erro. Isso pode criar um clima de menor tranquilidade", disse o treinador portista numa conferência de imprensa em que frisou várias vezes a "rotatividade quase que obrigatória" devido a lesões e castigos.

José Peseiro vincou que ganhar o próximo jogo é "importantíssimo" atribuindo à deslocação ao Bonfim "exigência e responsabilidade máximas", perante uma equipa que sabe que quererá "roubar pontos" ao FC Porto.

"Jogo de máxima exigência e máxima responsabilidade perante uma equipa que vai querer roubar-nos pontos. Temos noção que estamos mais comprometidos. Não podemos perder pontos e não queremos. Já sabíamos isto antes de perder [3-1 a contar para a 25.º jornada] com o Braga", referiu.

Confrontado com exibições menos conseguidas, José Peseiro lamentou que, segundo analisou, esteja a ser dado maior destaque "aos erros que aconteceram", garantindo que "foram mais as coisas positivas do que as negativas".

"A equipa vai melhorar, vai ser melhor. Mas já fez coisas muito boas também", resumiu o técnico portista.

Já sobre os níveis de confiança da equipa, José Peseiro afirmou que "são as vitórias", bem como "a consolidação do processo" que "dão isso" e recusou escudar-se atrás da ideia de que chegou ao FC Porto há dois meses, embora admita ser "impossível" conseguir neste período ter "uma equipa à sua imagem".

O FC Porto, que segue em terceiro lugar com 58 pontos, estando a seis do líder, o Benfica, desloca-se no sábado às 20:45 ao terreno do Vitória de Setúbal que é 13.º com 28 pontos, num jogo que será arbitrado por Manuel Mota, da Associação de Futebol de Braga.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG