Rui Pedro acordou o Dragão, 520 minutos depois

Aos 90+5 minutos, Rui Pedro acabou com a seca de golos do FC Porto e derrubou a "muralha" chamada Marafona

O FC Porto venceu o Sporting de Braga, por 1-0, no Estádio do Dragão, e terminou com a maior seca de golos da história do clube, de forma dramática.

Foi aos 90+5 minutos que Rui Pedro, de 18 anos, na sua estreia na I Liga, conseguiu bater Marafona, autor de uma exibição "monstruosa" no Dragão.

O guarda-redes fez duas mãos cheias de defesas de enorme dificuldade no Dragão, inclusive aos 35 minutos, quando parou um penálti de André Silva, após expulsão de Artur Jorge.

Com 10 unidades, o Sp. Braga limitou-se a defender no Dragão, mas aos 90+5 minutos, 30 remates depois, Diogo Jota assistiu Rui Pedro e o avançado fez o resto, com um audaz "chapéu" ao guarda-redes.

Com este triunfo, o FC Porto isola-se no 3.º lugar, com 25 pontos, a dois do Sporting e a quatro do Benfica. O Sp. Braga cai para 4.º, com 21 pontos, e pode ser "apanhado" pelo rival Vitória de Guimarães.

Filme do jogo:

Ler mais

Exclusivos